Buscar
  • Lidia Ferreira

Cuidado Com O Seu Coração


De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS); todos os anos; as doenças cardiovasculares são responsáveis por causar a morte de cerca de 171 milhões de pessoas no mundo. No mês de fevereiro é o mês da consciência sobre doenças cardiovasculares nos Estados Unidos. Coincidentemente, nesse mês, também se comemora no dia 14 os dias dos namorados.


O #coração é um dos órgãos vitais e por isso é necessário um cuidado especial para garantir um perfeito funcionamento.


O coração é um músculo responsável por bombear o sangue através de vasos sanguíneos para todo o corpo. De forma #rítmica, somos movid@s por batimentos cardíacos que funcionam por meio de movimentos involuntários que a todo momento, impulsiona o sangue que transporta o oxigênio e todos os nutrientes que nós precisamos para viver.

Quando o coração adoece, todos os outros #órgãos são afetados, principalmente porque quando o bombeamento do sangue fica comprometido, os nutrientes passam a não circular na quantidade suficiente que o #corpo necessita para se manter saudável.


Os homens são as principais vítimas de doenças cardiovasculares, porém, um em cada três mortes de mulheres no Brasil é devido a doenças cardíacas. Acima dos 30 anos de idade, quase metade da população feminina corre o #risco de desenvolver doença #cardiovascular.


O risco aumenta conforme a idade vai avançando, especialmente se for somado aos fatores de risco como: fatores não modificáveis e fatores modificáveis.


Fatores de risco não modificáveis - quando envolve predisposição genética (histórico familiar), idade e #sexo.


Fatores de risco modificáveis - Estão relacionadas ao estilo de vida, como: obesidade, açúcar elevado no sangue (diabetes), hipertensão arterial (pressão alta), fumo, colesterol elevado (hipercolesterolemia), triglicerídeos elevados (hipertrigliceridemia), abuso de bebidas alcoólicas, sedentarismo e o estresse. Mulheres que fazem uso de contraceptivos e fumam correm maior risco de desenvolver: doenças cardíacas e acidente vascular cerebral (AVC).


O coração #feminino possui uma estrutura que se diferencia do masculino. Tanto a caixa torácica quanto o tamanho do coração da mulher são menores do que a dos dos #homens.


O que são as doenças cardiovasculares?

São doenças que atingem o coração e os vasos sanguíneos. As mais comuns são:

1. Angina - não é considerado doença mais sim um quadro de sintomas. A #angina acontece devido quando o coração passa a receber quantidade insuficiente de nutrientes e oxigênio trazido pelo o sangue. Existem três formas de angina: estável, instável e variantes. Principal sintoma da angina é dor forte ou desconforto. Na angina estável, os sintomas ocorrem principalmente depois de esforço físico. A instável ocorre durante quando o corpo está em repouso e pode estar associada aos sintomas de início de um ataque cardíaco. A variável provoca #dores intensas no peito que se manifestam no início da manhã ou de noite.


2. Aneurisma da aorta abdominal - a aorta é um principal vaso sanguíneo do corpo que tem a função de levar o sangue para as pernas depois de passar pelo o peito em direção ao abdômen. Aneurisma da aorta é uma dilatação localizada e anormal que ocorre quando existe uma fragilidade da parede do vaso sanguíneo. O #aneurisma não manifesta sintoma e vários não chegam a se romper. Durante um exame de rotina o médico é capaz de identificar os sinais de perigo.


4. Arritmia - conhecida como “palpitação” que é uma alteração dos batimentos do coração. Normalmente, quando sadio, um coração tem de 60 a 100 batimentos por minutos. Existem dois tipos de arritmias: benignas e malignas. A benigna provoca desconforto, porém a maligna pode levar alto risco de morte súbita pois significa que o corpo não está recebendo sangue suficiente podendo levar ao infarto.


5. Ataque cardíaco - Por causa da falta de oxigênio e de sangue no coração, devido uma obstrução da artéria coronária. Infelizmente o ataque cardíaco pode ocorrer sem apresentar sintoma algum. Os principais sintomas são: dor no peito que pode durar minutos ou até horas, falta de ar, sudorese (suor em excesso), dor ou sensação de peso no braço, mal estar súbito, formigamento nos braços, tontura, vômitos ou náuseas, tontura, palidez. Ao observar os primeiros sinais de um ataque cardíaco os médicos recomendam procurar um setor de emergência imediatamente.


Como as mulheres podem proteger o coração?

A universidade de #Harvard realizou um estudo de duração de 16 anos com 84 mil #mulheres norte-americanas. Foi observado que mudança de hábitos de vida podem reduzir até 80% dos casos de doenças cardiovasculares. Isso reforça que é possível prevenir e combater várias doenças através de um estilo de vida #saudável.


Dicas para fortalecer o seu coração

1. Não #fumar

2. Manter suas consultas com o clínico geral em dia

3. Praticar atividade física - o simples ato de subir as escadas ao invés de usar o elevador, além de fazer 30 minutos de atividades físicas por dia, como por exemplo caminhar.

4. Diminuir a quantidade de açúcar e de sal nas refeições - o consumo de sal excessivo é o principal responsável por hipertensão

5. Aumentar os cuidados com a #saúde após a menopausa

6. Mantenha alimentação saudável diária - 5 porções de #frutas e legumes todos os dias Diminua o consumo de carne vermelha e com alto teor de gordura.


O importante é estarmos atentas a qualquer sinal que o corpo possa estar revelando e principalmente CUIDE-SE CUIDE-SE CUIDE-SE.




8 visualizações
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Pinterest Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon

@2018 Copyright Plataforma Digital Feminina